terça-feira, 29 de maio de 2018

Brasil sob ameaça: Os não confiáveis Pedro Parente, Temer, Rothschild Os corruptos se atraem!

Porque Pedro Parente e Temer estão falando que a Petrobrás dá Prejuízo? Porque?: eles estão fracionando a Petrobras para clãs internacionais.
Petrobrás: Cinco empresas estrangeiras são “receptadoras” de bens vendidos de forma ilegal, denunciam articulistas – Viomundo
Cinco empresas estrangeiras são "receptadoras" de bens vendidos de forma ilegal pelo governo brasileiro.

Pesquisa recente apontou que 70% dos brasileiros são contra a privatização da Petrobrás, enquanto 78% são contra o capital estrangeiro na companhia.
Talvez por isso a atual direção da Petrobras evite usar a palavra “privatização”.
Sob o eufemismo “parcerias e desinvestimentos”, o plano estratégico tem a meta de privatizar US$ 34,7 bilhões de ativos da estatal entre 2015 e 2018.[6]

Sob ordens de Temer, Petrobras ignora lei e privatiza dois campos do Pré—sal por R$2,2 bilhões. Campos no RJ valem mais que o dobro do valor. O montante inclui entrada no caixa da Petrobras de 1,6 bilhão de dólares após conclusão da operação.[4]
Resultado de imagem para Patrick Pouyanne of Pedro Parente
Pedro Parente e Michel Temer, escolhe empresa considerada uma das mais corruptas no negócio de petróleo  A Total, envolvidos em subornos pagos a elementos do governo e ministros do Iraque, Irão ou Cazaquistão, em nome de grandes multinacionais para que estas ganhassem contratos nesses países, para fazer parcerias e explorar nossa maior riqueza mineral, o petróleo.  Parente e Temer insiste em fechar parceria bilionária e entregar campos valiosíssima de petróleo nas mãos da empresa mais corrupta do mundo, a Total. (Mais informações sobre o caso)  [1] 

Em março de 2017, Pedro Parente, atual presidente da Petrobrás, e Patrick Pouyanné, presidente da Total, assinaram uma parceria estratégica de 2,2 bilhões de dólares. Eles estão juntos em 19 projetos de exploração e produção de petróleo no Brasil. Entre os principais ativos negociados está a cessão de direitos de 35 por cento do campo de Lapa, no pré-sal da Bacia de Santos, que começou a produzir esta semana, com a transferência da operação da Petrobras para a Total, ficando a petroleira brasileira ainda com 10 por cento de fatia na concessão no bloco BM-S-9. A Shell, com 30 por cento, e a Repsol, com 25 por cento, são parceiros da Petrobras em Lapa.
Além disso, a Petrobras concordou em ceder direitos de 22,5 por cento para a Total na área da concessão de Iara (campos de Sururu, Berbigão e Oeste de Atapu) no bloco BM-S-11, também no pré-sal.[7]

A JUSTIÇA ITALIANA também decretou a PRISÃO DE EXECUTIVOS DA TOTAL (Leia artigo traduzido); Nos Estados Unidos a TOTAL subscreveu ACORDO DE LENIÊNCIA (Leia documento traduzido) ; Total também foi condenada pela JUSTIÇA FRANCESA pela CORRUPÇÃO DE FUNCIONÁRIOS do governo de Saddam Hussein, no IRAQUE. (Leia tradução sobre o caso) 
  • O presidente da francesa Total, Patrick Pouyanné,(reduto françês de Rothschild) disse que, apesar da atual situação política e financeira “difícil” do Brasil, o País é muito atraente no longo prazo.[3]
Resultado de imagem para Patrick Pouyanne of Pedro Parente
O presidente da petrolífera Francesa Total, Patrick Pouyanne(L), e o presidente da Perobras, Pedro Parente, apertam as mãos durante uma conferência de imprensa para  anunciar sua nova parceria, durante a Oil and Gas Expo 2016 e Conferência no Rio de Janeiro, Brasil, em 24 de outubro de 2016. A Petrobras e as francesas Total anunciaram uma aliança estratégica para projetos de upstream[2]  e downstream[2] com o presidente Michel Temer e  declarou que a economia conturbada do Brasil reabriu para os negócios. O pacto prevê alianças em projetos de exploração, inclusive na pré-perfuração e perfuração em alto-mar no Brasil. / AFP / Yasuyoshi CHIBA.
  • "O único objetivo é vender a Petrobras aos poucos. Esse acordo não vai ter vantagem nenhuma para a Petrobras e a sociedade brasileira, uma vez que temos o pré-sal já mapeado e utilizado. Vemos com muitos maus olhos essa questão que está sendo colocada, até porque temos informação de que a Total tem interesse não só na exploração como no refino."

Resultado de imagem para Patrick Pouyanne of Pedro Parente
  • "Além de você estar vendendo um patrimônio nacional em que você investiu, vamos ter a questão do conteúdo nacional. Quando essas empresas entrarem, cada vez mais elas vão procurar recursos de fora. Uma empresa francesa vai querer fazer navios na França ou onde ela tem parceiros. A gente vai fazer nossa indústria naval cada vez mais afundar. A própria Abimaq (Associação Brasileira de Máquinas e Equipamentos) já está reclamando, falando que vamos perder cerca de um milhão de empregos ainda este ano só por conta de a Petrobras não estar cumprindo o conteúdo nacional. Vamos colocar o Brasil para retroceder 30 anos. A sociedade precisa entender o risco que estamos correndo"

Imagem relacionada


pesquisa, consulta:
[1]Abaixo, seguem os artigos originais utilizados como fonte na matéria: Esquema de suborno nos EUA e na França Caso italiano Total acusada por corrupção ligada ao Programa de Alimentos da ONU      
http://www.fnpetroleiros.org.br/noticias/4243/brasil-sob-ameaca-pedro-parente-escolhe-a-maior-empresa-corrupta-para-explorar-o-pais
[2]*  e ** O que é upstream, midstream e downstream???
A indústria petrolífera divide-se em três áreas de atuação, são elas: Upstream, Midstream e Downstream.
A fase Upstream caracteriza-se pelas atividades de busca, identificação e localização das fontes de óleo, e ainda o transporte deste óleo extraído até as refinarias, onde será processado. Resumindo, são as atividades de exploração, perfuração e produção.
A fase Midstream é a que as matérias-primas (hidrocarbonetos) são transformadas em produtos prontos para uso específico (gasolina, diesel, querosene, GLP, nafta, óleo lubrificante, ...). São as atividades de refino.
Downstream é a fase logística, ou seja, o transporte dos produtos da refinaria até os locais de consumo. Resume-se no transporte, distribuição e comercialização dos derivados do petróleo.
[3]http://www.transeletron.com.br/petrobras-e-total-fazem-parceria-em-exploracao-e-producao-de-petroleo-e-em-setor-de-gas-e-energia.htm
[4]http://www.plantaobrasil.net/news.asp?nID=9616
[5]https://exame.abril.com.br/negocios/total-nomeia-dois-diretores-para-suceder-presidente-morto/
[6]https://segredospoliticos.com.br/2018/03/24/petrobras-cinco-empresas-estrangeiras-sao-receptadoras-de-bens-vendidos-de-forma-ilegal-denunciam-articulistas-viomundo/
[7]http://www.fup.org.br/ultimas-noticias/item/20412-parente-ignora-tribunal-de-contas-da-uniao-e-nao-muda-metodologias-de-desinvestimentos

Nenhum comentário: